terça-feira, 31 de maio de 2016

MANA - Porque hoje é o dia dos irmãos


A propósito do dia dos irmãos e a propósito de prémios, (ou até sem propósito, porque para ler não precisamos deles), aqui fica a publicação mais recente do Planeta Tangerina, que acaba de ganhar o

I PRÉMIO INTERNACIONAL de SERPA PARA ÁLBUM ILUSTRADO,

O Prémio é uma parceria entre a Câmara Municipal de Serpa e o Planeta Tangerina,
E a obra é esta:
 MANA de Joana Estrela


"Não estranhem os leitores encontrar páginas riscadas, autocolantes colados ou desenhos rabiscados sobre as páginas deste livro: uma irmã mais nova passou por aqui... e deixou um rasto de destruição à sua passagem. 
Mordidelas, bonecas partidas e alguma batatada, num “drama clássico” entre irmãos (neste caso, irmãs) que marca a estreia de Joana Estrela no Planeta Tangerina." (P.T).

Podes folhear um bocadinho da obra na página do planeta tangerina




terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Os livros devem ajudar as crianças a pensar por si próprias (Juta Bauer)


Juta Bauer, ilustradora alemã, Prémio H. C. Andersen 2010, defende que os livros devem ajudar as crianças a pensar à sua maneira e a formar as suas próprias opiniões.


A autora de QUANDO A MÃE GRITA refere que não há temas tabu na literatura para crianças: a pobreza, a morte, a guerra, a sexualidade e os conflitos familiares são temas com os quais a criança se vê confrontada no dia a dia.
Numa visita recente a Santiago do Chile, a autora falou da importância dos livros ilustrados, salientando o papel da mediação leitora: pais e professores.
"As imagens podem falar por si (...). Às vezes precisam de texto e às vezes é o texto que precisa da imagem (...)"
Artigo completo AQUI

Obras de Juta Bauer publicadas em Portugal



Espreitar a história:



Disponível no CATALIVROS



Mais informação em DEUSMELIVRO
e na GATAGUNHO

BOAS LEITURAS!

segunda-feira, 9 de novembro de 2015

Trava línguas e Lengalengas


Porque ontem se comemorou o dia do Trava Línguas e porque a poesia popular é património e herança de todos nós, aqui ficam algumas sugestões para brincar com as palavras, o seu ritmo e a sua sonoridade.

Para começar a treinar, a biblioteca dos curiosos fez uma seleção das lengalengas mais conhecidas recolhidas por Luísa Ducla Soares: AQUI

Mas há mais:


 AQUI pode folhear e ver algumas sugestões para pais e educadores.


Aqui podem ouvir-se algumas lengalengas recolhidas por Luísa Ducla Soares e musicadas por Daniel Completo.


AQUI pode espreitar-se o miolo e a curiosa análise que a Hipopomatos na Lua fez desta belíssima obra.


AQUI podemos encontrar informação sobre esta recolha.

E ainda:



Vamos travalengar?

O papel da família no processo leitor


A família está implicada no processo leitor dos seus filhos desde o berço até à adolescência.
A presença cada vez mais marcante da tecnologia em geral e das redes sociais em particular vem aumentar a necessidade de acompanhamento por parte dos pais.
E já agora: aprender com os filhos também faz muito bem aos pais.
Vale a pena ver.


segunda-feira, 11 de maio de 2015

Amores de Família



"Então, seria mais ou menos assim: fazer um livro (um álbum ou picture book) sobre famílias de todo o mundo, das tradicionais às recompostas, das monoparentais às adoptivas, sem excluir famílias com pais do mesmo sexo, e tudo isto à luz dos arquétipos mitológicos greco-latinos" (o jardim assombrado)

É assim que Carla Maia de Almeida nos apresenta as suas motivações para a escrita do seu mais recente trabalho:

Amores de Família

"As famílias deste livro são todas funcionais mas retratam os variados perfis de famílias da atualidade. 
Além do tradicional pai, mãe e respetivos filhos, temos as monoparentais, com avós que complementam a ausência dos pais, com tios desempregados, com filhos de casamentos anteriores, de acolhimento, homossexuais… A personagens são inspiradas na antiga mitologia greco-latina porque nada mais heterogéneo do que as relações familiares do Olimpo. Para realçar ainda mais o ecletismo destas famílias, os deuses são tratados pela ilustração como oriundos de diferentes raças e credos." (caminho)


hipopomatos na lua apresenta um análise excelente desta obra que promete fazer as delícias de grandes e pequenos.

segunda-feira, 4 de maio de 2015

Leitura na Infância estimula atividade cerebral


Estudo revela que a leitura em família está fortemente associada à ativação de áreas cerebrais que impulsionam o processamento semântico, áreas críticas para o processamento da linguagem oral e da compreensão leitora, independentemente do nível socioeconómico da família. O que vem corroborar a "tese" de que a leitura nos primeiros anos de vida (e não só) também ajuda a esbater diferenças a esse nível.
O estudo foi dirigido pelo especialista John Hutton, do Cincinnate Children´s Hospital Medical Center
Mais sobre este assunto AQUI



leitura em família (Elisa Yuste)

quinta-feira, 5 de março de 2015

Ler com os filhos: As crianças querem MAIS!


Estudo levado a cabo na América revela que os pais param cedo demais a leitura com e para os seus filhos. Baseado em mais de 2500 entrevistas a pais e crianças, o estudo revela que a maioria dos pais deixa de ler com os filhos por volta dos 6 anos, momento que coincide com o início da aprendizagem formal da leitura e da escrita. As conclusões indicam que é demasiado cedo! As razões apontadas pelas crianças que QUEREM mais tempo para ler com os pais coincidem com aquelas que as famílias que passaram pelo Lê para mim, que depois eu conto... também apontaram:


Reading with your chid

-  Ler com os pais é divertido e relaxante!
- Ler com os pais permite passar tempo juntos, sem outras "distrações" pelo meio;
- Ler com os pais permite conhecer palavras novas;

Para saber mais sobre o estudo: AQUI.